myPOS blog Dicas

Como abrir um negócio próprio com pouco dinheiro em Portugal

Trabalhar das 9h às 18h não é para todos. Muitas pessoas sonham em fazê-lo por conta própria e não só, também em terem um bom futuro. Começar no mundo dos negócios pode ser assustador. E financeiramente? Há alguns anos, era impensável começar o seu próprio negócio sem capital inicial, mas hoje em dia, há tantos recursos gratuitos ou acessíveis que fazer uma oportunidade no seu próprio negócio é, na verdade, algo bastante exequível.

Não nos entenda mal. Ainda assim, terá de fazer todo o trabalho e esforço, trabalhar longas horas, passar muito tempo a fazer pesquisa, e afinar a sua ideia de negócio, mas no final, pode valer a pena.

Se está determinado em abrir o seu negócio com pouco dinheiro em Portugal e está a pensar por onde começar, então esta publicação é para si!

Pesquisar e testar o mercado

Se está a pensar em focus groups, empregando os serviços de uma empresa de pesquisa de mercado, enviando inquéritos que custam milhares a compilar, acabar e analisar ou algo semelhante – está a começar com o pé errado. Afinal, o objetivo é começar um negócio com pouco dinheiro em Portugal, certo?

Apesar de estar no caminho certo ao querer pesquisar o seu mercado, clientes e concorrentes, não tem que gastar o couro e o cabelo neste aspeto fundamental e crucial de arrancar com o seu negócio.

Primeiro, para economizar custos, encontre uma biblioteca onde possa fazer a sua pesquisa num espaço tranquilo (com Internet gratuita, claro) e agende várias horas para o seu esforço de pesquisa. Antes de mais – terá de descobrir que produto ou serviço vai vender, a quem o vai vender e que concorrentes estão no terreno. Procure pistas de como estão a conduzir o seu marketing, quais os preços que estão a cobrar, que imagens e palavras-chave específicas estão a usar.

A beleza de tudo isto é que pode fazer isto de forma gratuita. Digite keyword research no Google, adicione a palavra free à sua pesquisa, e comece a ler e a descobrir sobre os seus produtos e serviços e, especialmente, que tipo de procura existe para eles. Os fóruns online são outra excelente fonte de determinação dos pontos de dor dos clientes, que é, em última análise, o que vai querer resolver. Lembre-se que o seu negócio não é necessariamente para si. Deve orientá-lo para os seus clientes.

Descubra onde pode entrar e preencher um vazio. Pergunte aos seus amigos, família, conhecidos, colegas, ex-colegas o que pensam. Tente usar as redes sociais com sondagens, que pode correr gratuitamente para recolher análises e insights sobre a sua ideia de negócio.

Gere a sua ideia

Existem três tipos principais de negócios que pode começar com pouco ou nenhum dinheiro em Portugal. Estes são baseados em serviços, baseados em talento e baseados na internet.

Aqui estão alguns exemplos de cada um.

Baseado em serviço: passear cães, pintar casas, serviços de jardinagem, limpeza de casas, organização profissional, remoção de lixo, entrega de mercearias, planeamento de festas, ser acompanhante de idosos, fazer visitas guiadas a pé, limpar calhas ou até mesmo regar plantas.

Baseado em talento: tutoria e formação, consultoria, fotografia, escrita e edição, tradução, design gráfico ou marketing digital.

As ideias baseadas na Internet são aquelas que giram em torno do dropshipping ou, em última análise, vendem um produto que não tem consigo, mas que fornece e que o seu cliente paga.

Crie o seu plano de negócios e um modelo de negócio de baixo custo

Agora sabe um pouco mais sobre a importância da pesquisa e encontrar o seu nicho. Mas há também a questão de como se tornar um empreendedor sem dinheiro. Lembre-se que cada empresário tem um plano de negócios e um modelo de negócio.

Em todos os casos, deve sobrestimar os seus custos totais para que não haja surpresas no final do dia. Tente manter as suas despesas gerais baixas, como trabalhar a partir de casa, subcontratar (outsource) a sua contabilidade a uma empresa de confiança (e, acima de tudo, acessível), e até mesmo registar patentes, propriedade intelectual e marcas comerciais. Decida se seria mais rentável começar como freelancer.

Aqui estão alguns dos principais custos que terá de considerar quando trabalhar no seu plano de negócios e modelo:

Promova a sua loja ao abri-la

Calcule o seu custo de negócio

  • Marketing: isto pode incluir anúncios pagos, panfletos, flyers, banners, etc.
  • Ativos: veículos e outros bens móveis ou mesmo bens imóveis.
  • Taxas de registo: é provável que necessite de registar o seu negócio – neste caso, é mais provável que vá para uma propriedade exclusiva. Consulte as taxas aplicáveis no seu município local ou centro de pequenas empresas.
  • Serviços profissionais: estes podem incluir contabilidade e contas ou honorários legais.
  • Custos fixos: salários e pagamentos (se planeia empregar outros ou mesmo pagar a si mesmo), água e luzes, renda ou hipoteca, entre outros.

Estas são apenas algumas das considerações de custo quando se trata de pensar em como abrir uma empresa com pouco dinheiro em Portugal.

Use recursos gratuitos para minimizar as despesas

Algumas dicas adicionais para ajudá-lo na sua viagem de negócios incluem:

  1. Trabalhar a partir de uma biblioteca para economizar nos custos da Internet
  2. Não contratar ninguém no início, faça todo o trabalho sozinho.
  3. Obter o equipamento de forma barata (ou gratuitamente, se possível)

Financiamento de abastecimento

Na sua jornada de como criar um negócio online sem dinheiro, chegará um momento em que vai precisar de pelo menos alguns fundos. Estes podem ser obtidos através dos seguintes canais:

  • Aumentar as suas poupanças
  • Empréstimos bancários
  • Subvenções governamentais
  • Amigos e família
  • Crowdfunding
  • Investimento de Angels

Promover o seu negócio

Existem muitas ferramentas e tecnologia online gratuitas ou baratas que o podem ajudar a promover o seu negócio, por isso aproveite ao máximo. Seja o Facebook para promover os seus produtos/serviços através das redes sociais ou do Instagram – ter contas nas redes sociais é crucial no mundo dos negócios de hoje em dia.

Além disso, lembre-se que a sua reputação vai crescer com base nas avaliações que recebe dos seus clientes, por isso não se esqueça de pedir-lhes que deixem uma avaliação online do seu negócio, para ajudar outras pessoas a escolherem-no no futuro.

Ser pago

Vai precisar de ser pago de forma adiantada. Caso contrário, pode ficar preso num ciclo vicioso em que os seus clientes não lhe pagam e é o único que fica endividado. Certifique-se de que lhe fazem o pagamento antecipado ou pelo menos empregue uma estratégia de 50-50 se estiver baseado em serviços, com 50% pago no início de um trabalho e o resto quando o entregar. Lembre-se que se estiver a criar um negócio de startup, provavelmente não terá qualquer receita por um longo período de tempo.

Mantenha o seu trabalho por contra de outrém

Quase todos os especialistas em negócios online dir-lhe-ão para manter o seu emprego enquanto se aventura na sua jornada de negócios. Estamos aqui para lhe dizer o mesmo. Não só o ajudará com as suas poupanças (ver o ponto anterior acima) como também lhe dará uma camada adicional de segurança se as coisas não correrem exatamente de acordo com o plano.

Desta forma, pode contar com o seu trabalho diurno para o seu rendimento e sustento enquanto o seu negócio arranca. Enquanto se pode ver o sucesso no início, outros podem lutar para ver resultados. Será diferente para cada indivíduo. E isto leva-nos ao próximo ponto – começar pequeno.

Comece pequeno

Uma vez que não terá muito tempo para se dedicar ao seu novo negócio, e vai manter o seu emprego, precisa de começar de uma forma pequena, mas escalável. Faça a gestão das suas expectativas e o seu crescimento incrementalmente até que seja hora de trazer outros a bordo. Se assumir mais do que pode lidar, enfrentará o burnout e o risco de falhar cedo. Portanto, a lição-chave aqui é acompanhar-se a si mesmo e ao seu crescimento.

Conheça a lei em Portugal

Finalmente, tire algum tempo para se familiarizar com a lei que dita como o seu negócio pode e deve ser gerido. Quanto mais bem preparado estiver para isto, melhor poderá enfrentar obstáculos futuros. Claro, a lei não é para todos, mas pedir a um licenciado em Direito ou falar com a autarquia local sobre aconselhamento jurídico gratuito ou apenas aconselhamento e fazer a sua própria pesquisa online vai ajudá-lo a manter-se longe de quaisquer obstáculos legais que possa enfrentar de futuro.

Conclusão

Nesta publicação de blogue, tentámos ajudá-lo a descobrir como abrir um negócio com pouco dinheiro em Portugal. Não é uma lista completa de coisas que precisa de fazer porque cada negócio será diferente e apresenta requisitos e critérios distintos. No entanto, tem o básico nas mãos para o ajudar a começar.

A myPOS está aqui por si a cada passo do caminho, apoiando o seu novo pequeno negócio enquanto se concentra no trabalho mais importante. Abra uma conta online e desfrute de uma grande variedade de soluções de pagamentos.

Partilhar esta publicação:

Publicações relacionadas

Fale connosco
Cookie

Selecione a sua preferência de cookies

2-3