myPOS blog Dicas

O que é CVV – Código de Segurança do Cartão (VVC)

Provavelmente encheu a sua carteira com muitas coisas interessantes. Pode ter incluindo fotos de entes queridos, algumas notas e moedas, e, claro, tem lá os seus cartões de débito e crédito. Apesar de pequenos e finos, estes pequenos pedaços de plástico contêm uma quantidade significativa de informação de que talvez não tenha conhecimento.

Não tem apenas o número PAN em relevo na parte da frente do cartão, mas também inclui o seu nome, a data de validade, e o número de CVV, entre outros. Se está a pensar no que significa CVV e como pode usá-lo, então esta publicação é para si!

O que é CVV?

Simplificando, CVV (ou VVC) significa Valor de Verificação de Cartões. Também o conhecemos como um Código de Segurança do Cartão ou CSC para abreviar.

É um número de três ou quatro dígitos que se encontra principalmente na parte de trás do seu cartão de débito ou de crédito ao lado do campo de assinatura, embora alguns cartões além da Visa, Mastercard e outros o coloquem na parte da frente do cartão. Se viu este número no seu cartão, as coisas ficam um pouco mais claras.

Mas qual é o propósito deste número CVV?

Em suma, pode usá-lo para transações não presentes de cartão, em que esteja a fazer uma compra por telefone ou online. É introduzido para fornecer aos retalhistas e comerciantes provas adicionais de que é você que está a usar o seu cartão, e não alguém que poderia ter roubado a sua informação.

Com tantos números num pedaço de plástico tão pequeno, pode ser fácil confundir-se e pensar que o número de CVV é o seu PIN ou Número de Identificação Pessoal.

Mas este não é o caso. Um PIN é geralmente de quatro dígitos ou mais e é usado para fazer levantamentos em caixas multibanco com cartões de débito ou para adiantamentos de dinheiro com cartões de crédito.

Na verdade, enquanto um PIN é normalmente criado pelo utilizador, os CVVs são gerados automaticamente pelo emitente do seu cartão e são depois impressos no plástico. Como utilizador de cartão, não tem qualquer controlo sobre o seu número de CVV, ao contrário do seu PIN.

Além disso, não há dois cartões com o mesmo número. Este é uma situação que se relaciona com a segurança. Isto significa que mesmo que o seu cartão expire e lhe emitam um novo, o seu novo cartão terá um novo Valor de Verificação de Cartão, mesmo que os seus cartões pareçam iguais.

Por razões de segurança, o número do CVV é usado para mostrar aos comerciantes que realmente és você que está a usar o seu cartão. Os portais online, por exemplo, não podem armazenar qualquer informação sobre o número de Valor de Verificação de Cartão de um titular do cartão, uma vez que tal é contrário às regras do DSS do PCI.

Isto significa que mesmo que introduza as informações do seu cartão num gateway de pagamento, e mesmo que os dados do seu cartão sejam armazenados no terminal, o número CSC nunca será armazenado. Este movimento faz com que seja muito mais difícil para qualquer pessoa roubar os seus dados pessoais, identidade ou fundos.

9 maneiras de manter o seu CVV seguro

Pode pensar que, uma vez que tem um Código de Segurança do Cartão, está a salvo de hackers online e de quaisquer atividades fraudulentas. Mas aconselhamos que tenha cuidado lá fora.

O mundo está cheio de indivíduos maliciosos que procuram os seus fundos e identidade. Portanto, recomendamos que tome algumas medidas para se proteger a si e ao CVV do seu cartão online.

Aqui estão algumas delas:

Instale software antivírus legítimo no seu PC

Este software irá procurar vírus, software de registo de teclados e outras ferramentas que os burlões normalmente usa para roubar informações pessoais. Se não tem certeza de que software usar, consulte os especialistas.

Proteja a rede Wi-Fi da sua casa com uma password

Isto evitará que outros se conectem a ela, monitorizem o tráfego da internet, e façam o rastreamento das suas informações. Além disso, considere usar uma VPN quando estiver longe de casa para proteger as suas informações pessoais. 

Use um gestor de passwords seguro

Estas ferramentas podem ajudá-lo a criar e armazenar as suas passwords fortes e únicas para cada site utilizado. Esta é uma forma eficaz de aumentar a sua segurança online. Um exemplo de tal gestor de passwords é o LastPass.

Evite preenchimento automático e guarde os seus dados pessoais em websites

Pode parecer mais conveniente, mas, na verdade, aproveitar o tempo para escrever os seus detalhes de novo quando visitar um novo site ou comerciante online pode ser uma forma de protegê-lo do roubo de identidade.

Também é crucial que não guarde os seus dados em sites que não lhe peçam um CVV.

Peça ao seu emitente que lhe forneça um cartão de crédito virtual

Esta é uma opção muito mais segura, uma vez que a funcionalidade de cartão de crédito virtual cria números de conta temporária que “mascaram” o número do seu cartão real. Se os hackers comprometerem o seu número virtual, pode facilmente eliminá-lo.

Compre em sites seguros

Verifique o início do URL do site e veja se começa com uma https://. Os “s” no final de “HTTPS” significam “seguro”, o que significa que as suas informações serão encriptadas. Além disso, verifique se há um cadeado SSL na janela do seu navegador.

Acabou de receber um email suspeito? Não clique nos seus links!

Isto também é conhecido como phishing onde os hackers tentam obter o seu CVV enviando-lhe um email que parece legítimo, mas que na verdade o leva a uma página que eles criaram para roubar os seus dados.

Se o email contiver um link suspeito ou um anexo, verifique sempre a fonte contactando o seu banco ou instituição financeira através de um número de telefone oficial.

Verifique regularmente os seus extratos

Ao monitorizar as suas contas e verificar regularmente as suas declarações, pode ver se há alguma atividade estranha no(s) seu(s) cartão(ões). Desta forma, pode reportá-lo rapidamente ao seu emitente de cartão para que coloquem um congelamento no cartão ou tomem outras ações necessárias.

Nunca envie os dados do seu cartão de crédito/débito em emails

Os burlões online podem digitalizar os seus emails, à procura de números de cartão. Por isso, nunca envie estes dados a ninguém por email. Além disso, nunca publique fotos dos seus cartões nas redes sociais.

Conclusão

Embora tenha apenas três dígitos, é importante não subestimar a força do número de CVV do seu cartão. É uma camada importante de segurança para as suas compras online ou compras por telefone e deve ter um cuidado extra sempre que o usar.

Utilize as dicas acima mencionadas para manter o seu CVV seguro. E lembre-se de permanecer seguro nas compras online!

Partilhar esta publicação:

Publicações relacionadas

Fale connosco
Cookie

Selecione a sua preferência de cookies

2-3